Hospital Municipal de Porto Real realiza curso de instrumentação cirúrgica

Objetivo é auxiliar os médicos com fornecimento de materiais durante os procedimentos realizados pela unidade de saúde

A Secretaria de Saúde está promovendo um curso de capacitação em instrumentação cirúrgica para um total de 18 profissionais de saúde do Hospital Municipal. A capacitação tem uma duração de 320 horas e conta com diversos profissionais, dentre eles: técnicos de enfermagem e auxiliares de transporte interno (maqueiros) e estagiários. Segundo a enfermeira Márcia Sebold, que ministra as aulas juntamente com a enfermeira Simone Leal, o objetivo é que os capacitados atuem diretamente auxiliando os médicos através do fornecimento dos materiais durante os procedimentos realizados pelo Hospital Municipal.

“Através dessa capacitação, conseguimos aprimorar os serviços prestados pelo Hospital Municipal, permitindo o acesso do profissional de saúde ao centro cirúrgico. Desse modo, desmistificamos o ambiente e proporcionamos uma cooperação mais eficaz e, além disso, o profissional capacitado tem em seu currículo mais um requisito importante para o enfrentamento do mercado de trabalho”, disse Márcia, que completou ressaltando a legalidade do curso. “Estamos dentro de todos os parâmetros legais, com aulas práticas e teóricas. Entre os assuntos abordados estão: noções de infecção hospitalar; segurança do paciente cirúrgico; dinâmica do bloco cirúrgico; central de material e esterilização; Recuperação Pós-Anestésica (RPA); fluxo e funcionamento do centro cirúrgico e a própria instrumentação”.

“O curso possui processo de avaliação e o aluno é passível de reprovação. Os alunos devem ter 75% de presença e ao final do curso terão uma formatura. Os profissionais estudam as disciplinas a fundo, com uso de livros e material didático. Além disso, assistem aos seminários e também realizam estágios em outros hospitais. Estamos em constante preocupação com o aprimoramento de cada profissional de saúde. Muito além de melhorar os serviços prestados, buscamos incentivar e valorizar os profissionais. Dessa maneira a população, no que se refere aos serviços de saúde é maior beneficiada. O próximo objetivo, ao final do curso de instrumentação cirúrgica, que termina em agosto, é realizar nessas mesmas características, cursos de terapia intensiva e de urgência e emergência”, declarou o secretário de Saúde, Luiz Fernando Curty Jardim.